Escolha uma Página

Você sabe como surgiu o conceito carreira?

A origem da palavra carreira vem do latim que é via carraria, que significa estrada rústica. No século VIX, essa palavra passou a ser relacionada à  carreira, representando a trajetória profissional de alguém que segue um caminho, que trilha um percurso. (MARTINS, 2001)

De acordo com Dutra (1996), o conceito carreira pode ser relacionado com o caminho que um executivo precisa trilhar dentro de uma  organização e também a uma profissão específica, como por exemplo, a carreira militar. Nos dois casos representam um caminho estruturado a ser seguido.

A carreira tradicional X carreira moderna

Na visão de Dutra (1996), a carreira é dividida em dois modelos, sendo o tradicional e moderno. O modelo tradicional é caracterizado pela estabilidade e por um crescimento linear e vertical, onde o profissional vai alcançar cargos maiores ao longo de sua trajetória profissional. Esse conceito permaneceu até 1970, já no modelo moderno é caracterizado pela instabilidade e crescimento descontínuo, não obedece uma ordem estática e pré-determinada, esse modelo faz cada vez mais parte dos dias atuais.

A visão tradicional está ligada a um mundo estável, no qual as pessoas aguardavam seu crescimento progressivo em uma mesma empresa. O grande ápice era ingressar como aprendiz e chegar a um cargo alto de liderança dentro da organização.  (CHIAVENATO, 2012).

Porém, no modelo moderno que corresponde mais a atualidade,  o mundo globalizado, com grandes mudanças econômicas, financeiras, sociais e educacionais, é cada vez mais comum uma pessoa passar por várias empresas e em cargos distintos.  Seu crescimento profissional não se dá apenas por alcançar um alto cargo de liderança dentro de uma empresa, até porque nem todas as pessoas têm perfil ou interesse para ocupar cargos de liderança. Hoje o  crescimento está muito mais ligados à satisfação e objetivos que a pessoa define para sua trajetória profissional. Eu diria que hoje, cada pessoa é responsável por fazer sua própria carreira, onde tudo vai depender de onde quer chegar.

A era da busca pela satisfação e qualidade de vida

Atualmente,  as pessoas não querem apenas “ter um cargo” para serem  reconhecidas, esse conceito é muito mais amplo. Cada vez mais as pessoas buscam satisfação, valorização, reconhecimento, qualidade de vida e equilíbrio entre a vida pessoal e profissional. Já é comum encontrar pessoas que abandonaram um alto cargo, com salários e benefícios porque não tinham qualidade de vida ou satisfação pessoal. Muitas vezes optam por salários e cargos bem menores em troca do que realmente acreditam .

Outro fator muito interessante é que, no modelo tradicional uma pessoa iniciava sua carreira e seguia até o fim da vida profissional, mesmo que no meio do caminho  descobrisse certa insatisfação pela carreira . Em nosso contexto moderno, é comum uma pessoa cursar uma faculdade e depois sentir que não deseja atuar naquela área, optando  pela segunda graduação, trilhando outro caminho, diferente do que havia escolhido inicialmente.

Particularmente admiro pessoas que tem a coragem de corrigir sua rota rapidamente, e traçar novos planos de acordo com suas experiências e descobertas. Pessoas que priorizam o que  as satisfaz de verdade como profissional, pois não há regras, tudo depende de quais são os objetivos que busca.